Anúncio
Anúncio
Anúncio

Parceria facilita o acesso de jovens estudantes ao mercado de trabalho em Cacoal e região

Polo do CIEE em Cacoal conta com mais de 30 empresas e órgãos públicos cadastrados, sendo oportunizando vagas de estágio para jovens estudantes com idades entre 16 e 24 anos

21/02/2020

Compartilhar:

 
 

Desde julho de 2018, a Unesc selou uma parceria com o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) e acolheu o Polo que ocupa uma sala no 2º andar da instituição de ensino. O CIEE é uma associação sem fins lucrativos reconhecida como entidade de assistência social que, por meio de diversos programas, dentre eles o de aprendizagem e o estágio de estudantes, facilita o acesso de adolescentes e jovens ao mundo do trabalho.
“Por entendermos que 0 CIEE promove a inclusão social junto às empresas e órgãos públicos, oportunizando a inserção de jovens estudantes no mercado de trabalho, incluindo pessoas com algum tipo de deficiência, a Unesc acolheu 0 CIEE, oferecendo toda a estrutura da instituição em prol deste programa”, destaca o diretor institucional da Unesc, Antônio Carlos Nascimento.
Atualmente, o Polo do CIEE em Cacoal conta com mais de 30 empresas e órgãos públicos cadastrados, sendo oportunizando vagas de estágio para jovens estudantes com idades a partir de 16 anos, cursando o ensino médio ou superior. O programa também oferece vaga de aprendiz, através do programa Aprendiz Legal, para jovens com idades entre 14 e 24 anos incompletos, estudantes do ensino fundamental, médio, técnico ou formado. Ressaltando que todos os estágios são remunerados pelas empresas e órgãos contratantes.

Estudantes de qualquer instituição de ensino médio ou superior que queiram se cadastrar ao CIEE devem acessar o portal do Centro de Integração Empresa-Escola na internet e preencher o cadastro. “A partir do momento que surge uma vaga de estágio junto às empresas, a equipe do Polo de Cacoal entra em contato com o jovens estudantes, possibilitando seu ingresso no mercado de trabalho”, explica Aldenir Fábio de Lara, assistente administrativo do CIEE em Cacoal. Aldenir também faz questão de convidar empresas de Cacoal e de toda região para conhecerem o programa de estágio e efetuar o cadastro junto ao CIEE.Karina Cristiano Bispo, acadêmica do 7º período do curso de Direito da Unesc, é uma entre tantos jovens estudantes que conquistaram uma oportunidade de ingressar no mercado de trabalho através do Programa do Centro de Integração Empresa-Escola. A jovem foi selecionada e hoje é estagiária do Tribunal de Justiça de Rondônia, no Fórum Ministro Hermes Lima, de Pimenta Bueno.
“Com o CIEE, em parceria com a Unesc, pude ter ciência da vaga de estágio no Tribunal. O estágio me proporcionou um desenvolvimento profissional e acadêmico fundamental para a minha graduação. Com ele adquiri conhecimento sobre a prática forense e, além disso, desenvolvimento na oratória”, destacou a jovem.

(Giliane Perin – Assessoria de Imprensa/Unesc

Compartilhar:

Notícias Relacionadas

Papudiskina - Adiamento das eleições e mais 5 bilhões para as prefeituras

A Câmara dos Deputados aprovou o adiamento das eleições para 15 de novembro, condicionando o voto à liberação por parte […]

03/07/2020

Cirone Deiró apresenta proposta para contratação de médicos formados no exterior

A medida vai contribuir para evitar o colapso nos serviços de saúde pública do estado O deputado Cirone Deiró defendeu […]

02/07/2020

320 cacoalenses já foram infectadas pela Covid-19

Cacoal chegou nesta quinta-feira, 02 de julho, a 320 casos confirmados de Covid-19. No município, 255 pessoas já se recuperaram […]

02/07/2020

Bolsonaro: Mercosul é parte das soluções para recuperação pós-pandemia

O presidente mudou o tom e mostrou querer se aproximar do bloco O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (2) que […]

02/07/2020