Anúncio
Anúncio
Anúncio

Governo divulga 7º boletim do Coronavírus

Agevisa aguarda exame de laboratório de referência para caso declarado como positivo ao coronavírus em Ji-Paraná

20/03/2020

Compartilhar:

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), divulga os dados referentes ao coronavírus (Covid-19) em Rondônia.

Até a manhã 20 de março não foi confirmado nenhum caso de Covid-19 no Estado, mas há 92 casos suspeitos, nos seguintes municípios:

Suspeitos:

55 em Porto Velho

11 em Ariquemes

07 em Ji-Paraná

05 em Cacoal

05 em Vilhena

03 em Ouro Preto do Oeste

02 em Pimenta Bueno

01 em Espigão do Oeste

01 em Jaru

01 em Nova Brasilândia do Oeste

01 em Santa Luzia do Oeste

Total de casos suspeitos: 92 casos

Confirmados – 00 casos

Descartados: 09 casos

A Agevisa ressalta que os dados não são lidos e atualizados imediatamente pelo Ministério da Saúde, por isso há atraso (delay) no registro de casos que estão sendo acompanhados diariamente por equipes de saúde nos municípios.

Todos os casos notificados, até mesmo os descartados são acompanhados pelo Centro de Informações Estratégicas da Vigilância em Saúde de Rondônia (Cievs).

O Governo de Rondônia realiza a divulgação diária contendo informações atualizadas sobre as notificações e casos em análise no Estado.

Agevisa aguarda exame de laboratório de referência para caso declarado como positivo ao coronavírus em Ji-Paraná

A Agência Estadual de Vigilância em Saúde de Rondônia (Agevisa) aguarda o resultado do exame de laboratório designado pelo Ministério da Saúde (MS), como referência para diagnóstico de coronavírus (Covid-19) sobre o caso divulgado como positivo, em Ji-Paraná, interior de Rondônia.

A contra prova é uma recomendação do Ministério da Saúde para validar ou não os resultados de coronavírus oriundos de laboratórios particulares ou de referência do Estado.

De acordo com Sid Orleans, coordenador do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs), o caso, importado de São Paulo, foi informado à Vigilância Epidemiológica de Ji-Paraná no final da tarde de quinta-feira (19).

“O paciente ficou cerca de 48 horas no município e a Vigilância municipal está estabelecendo contato com as pessoas com as quais ele manteve contato, para orientá-las”, disse Orleans.

O Cievs de Rondônia entrou em contato com o Cievs de São Paulo para informar o caso, para que o mesmo seja acompanhando. O vôo deve ser localizado para que todas as pessoas que mantiveram contato com esta pessoa também possam ser acompanhadas.

(Secom RO)

Compartilhar:

Notícias Relacionadas

Coluna do Xavier - Cacoal: a política, os deputados e a pauta... (03/07/20)

A população de Rondônia possui um perfil que o governo e os deputados gostam muito, porque tem muita gente batendo […]

03/07/2020

Tribuna em Foco - Dia 03 de julho de 2020

Nesta sexta-feira, dia três de julho quem comemora mais um ano de vida é a prefeita de Cacoal, Glaucione Rodrigues. […]

03/07/2020

Papudiskina - Adiamento das eleições e mais 5 bilhões para as prefeituras

A Câmara dos Deputados aprovou o adiamento das eleições para 15 de novembro, condicionando o voto à liberação por parte […]

03/07/2020

Cirone Deiró apresenta proposta para contratação de médicos formados no exterior

A medida vai contribuir para evitar o colapso nos serviços de saúde pública do estado O deputado Cirone Deiró defendeu […]

02/07/2020