Aneel suspende corte de energia por inadimplência por 90 dias

25/03/2020

Compartilhar:

0000 1 28
Decisão foi tomada devido à pandemia do coronavírus

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (24) um pacote de medidas especiais em resposta à pandemia de coronavírus, incluindo a suspensão por 90 dias de cortes do serviço de eletricidade por inadimplência para consumidores residenciais e serviços essenciais.

As medidas, aprovadas em reunião extraordinária de diretoria do regulador realizada por meio de videoconferência, incluem também a flexibilização pelo mesmo prazo de algumas obrigações das distribuidoras de energia, como de atendimento presencial a clientes e entrega de faturas a domicílio.

O diretor-geral da agência, André Pepitone, disse que ainda haverá uma avaliação à parte, em discussão junto ao governo, de medidas adicionais em benefício de consumidores de baixa renda.

“Nos foi demandado que se avaliasse a possibilidade de haver um suporte maior ao (consumidor de) baixa renda, e isso vai ser tratado nos canais de governo, com o Ministério de Minas e Energia e da Economia, com coordenação da Casa Civil”, afirmou.

Fonte: Agência Brasil

Compartilhar:
Categorias: Geral

Notícias Relacionadas

31/03/20 - Rondônia divulga dados sobre o covid-19

Hoje, 31/03, o Governo de Rondônia divulgou os dados referentes ao coronavírus. Confira: (Fonte: Governo de Rondônia).

31/03/2020

BOLETIM INFORMATIVO XV – CORONAVÍRUS – COVID-19 – CACOAL

31 DE MARÇO DE 2020 – A Prefeitura de Cacoal, por meio da Secretaria Municipal de Saúde- SEMUSA e Coordenação de Vigilância em […]

31/03/2020

Mais 245 famílias serão beneficiadas com o Bolsa Família em Presidente Médici

O Ministério do Desenvolvimento Social – MDS anunciou à Secretaria Municipal de Assistência Social de Presidente Médici – SEMAS  que […]

31/03/2020

Interlegis disponibiliza Sistema de Deliberação Remota do Senado para Assembleias Legislativas e Câmara Municipais

O Interlegis, que é o braço do Senado Federal para a integração e modernização do legislativo brasileiro, vai implementar, a […]

31/03/2020