Anúncio
Anúncio

Agevisa reforça ações de combate à dengue em Espigão D’Oeste

30/06/2020

Compartilhar:
30.06.2020 Ações De Combate Ao Aedes Aegypti Em Espigão Doeste Fotos Coordenação Da Agevisa

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), designou uma ação de combate ao mosquito da dengue em Espigão D’Oeste. Nas últimas semanas, o município vem registrando um surto de casos da doença, com 105 casos confirmados até segunda-feira (29).

Atendendo ao pedido da Secretaria Municipal de Saúde do município, pois em praticamente todos os bairros de Espigão D’Oeste foram registrados casos de dengue, demandou o apoio do Estado no combate ao mosquito transmissor da doença, o Aedes aegypti.

“Nós recebemos esse chamado e traçamos um cronograma iniciando, nesta segunda-feira, o segundo ciclo de UBV (Ultra Baixo Volume) pesado, dentro de Espigão D’Oeste. No bloqueio contra o Aedes, o Ministério da Saúde preconiza que sejam realizadas as atividades operacionais voltadas para UBV em três ciclos, com intervalo de alguns dias. Por isso o carro de UBV, popularmente conhecido como fumacê, está realizando a aplicação de inseticida em toda a cidade, como forma de reduzir o número de casos de dengue”, explicou Erenaldo da Cunha Santos, técnico em Vigilância em Saúde da Agevisa, que atua no controle vetorial e na coordenação da dengue.

A aplicação espacial de inseticidas é utilizada principalmente para o controle do vetor da dengue. No Brasil, recomenda-se utilizar a aplicação espacial a UBV com nebulizadores costais ou equipamentos acoplados a veículos. O veículo enviado para Espigão D’Oeste pelo Governo de Rondônia tem como missão cobrir, ao todo, 559 quarteirões da cidade.

Mas, além das ações desenvolvidas pelas autoridades em saúde e executadas pela Vigilância Sanitária, um dos fatores mais importantes para controle da doença são os cuidados tomados por cada indivíduo, evitando os criadouros do mosquito.

30.06.2020 Ações De Combate Ao Aedes Aegypti Em Espigão Doeste Fotos Coordenação Da Agevisa 1

PREVENÇÃO

Prevenir é a melhor forma de evitar a dengue, zika e chikungunya. A maior parte dos focos do mosquito se encontra nas residências, com isso, as medidas preventivas envolvem o nosso quintal e também os dos vizinhos.

É simples e rápido combater o Aedes aegypti, siga essas dicas:

Garrafas PET e de vidro: As garrafas devem ser embaladas e descartadas corretamente na lixeira, em local coberto ou de boca para baixo. Assim como, tampinhas de água, cerveja e refrigerante.

Lajes: Não deixe água acumular nas lajes. Mantenha-as sempre secas.

Ralos: Tampe os ralos com telas ou mantenha-os vedados, principalmente os que estão fora de uso.

Vasos sanitários: Deixe a tampa sempre fechada ou vede com plástico.

Piscinas: Mantenha a piscina sempre limpa. Use cloro para tratar a água e o filtro periodicamente.

Coletor de água da geladeira e ar-condicionado: Atrás da geladeira existe um coletor de água. Lave-o uma vez por semana, assim como as bandejas do ar-condicionado.

Calhas: Limpe e nivele. Mantenha-as sempre sem folhas e materiais que possam impedir a passagem da água.

Cacos de vidros nos muros: Vede com cimento ou quebre todos os cacos que possam acumular água.

Baldes e vasos de plantas vazios: Guarde-os em local coberto, com a boca para baixo.

Plantas que acumulam água: Evite ter bromélias e outras plantas que acumulam água, ou retire semanalmente a água das folhas.

Suporte de garrafão de água mineral: Lave-o sempre quando fizer a troca. Mantenha vedado quando não estiver em uso.

Falhas nos rebocos: Conserte e nivele toda imperfeição em pisos e locais que possam acumular água.

Caixas de água, cisternas e poços: Mantenha-os fechados e vedados. Tampe com tela aqueles que não têm tampa própria.

Tonéis e depósitos de água: Mantenha-os vedados. Os que não têm tampa devem ser escovados e cobertos com tela.

Objetos que acumulam água: Coloque num saco plástico, feche bem e jogue corretamente no lixo.

Vasilhas para animais: Os potes com água para animais devem ser muito bem lavados com água corrente e sabão no mínimo duas vezes por semana.

Pratinhos de vasos de plantas: Mantenha-os limpos e coloque areia até a borda.

Objetos d’água decorativos: Mantenha-os sempre limpos com água tratada com cloro ou encha-os com areia. Crie peixes, pois eles se alimentam das larvas do mosquito.

Lixo, entulho e pneus velhos: Entulho e lixo devem ser descartados corretamente. Guarde os pneus em local coberto ou faça furos para não acumular água.

Lixeira dentro e fora de casa: Mantenha a lixeira tampada e protegida da chuva. Feche bem o saco plástico.

Compartilhar:

Notícias Relacionadas

Dimas Barbosa anuncia pré-candidatura a prefeito de Cacoal pelo PSL

Texto e foto: Da Assessoria – O presidente municipal do Partido Social Liberal (PSL), Dimas Barbosa, o Dimas dos Correios, […]

12/07/2020

Família deixa gorjeta de US$ 1 mil em restaurante nos EUA

Do UOL, em São Paulo – Os funcionários de um restaurante em Nova Jersey, nos Estados Unidos, levaram um susto […]

12/07/2020

Bolsonaro critica ‘pânico disseminado’ por causa da pandemia

“A desinformação foi uma arma largamente utilizada. O pânico foi disseminado fazendo as pessoas acreditarem que só tinham um grave […]

12/07/2020

Cacoal perde Genésio Lima - Nota da Associação Cacoalense de Imprensa

Foto: Arquivo NOTA DE SAUDADE Inicialmente nos libertamos de qualquer formalidade nesta nota, pois a pessoa da qual nos despedimos […]

12/07/2020