Anúncio
Anúncio

Escolas e faculdades devem dar descontos de até 30% nas mensalidades durante a pandemia

29/06/2020

Compartilhar:
0000 1 Feira Foto Tribuna Popular2
Foto: Tribuna Popular

Caso não cumpram a lei, terão de pagar multa de R$ 7 mil por dia

Promulgada pela Assembleia Legislativa do Estado de Rondônia, a Lei 4.793, de 18 de junho de 2020, e vigente desde o dia 22, quando foi publicada, as escolas particulares deverão conceder descontos de 10, 20 ou 30%, de acordo com quantidade de alunos matriculados. Essas escolas que não cumprirem, negando esses descontos, poderão ser punidas com multa de mais de R$ 7 mil por dia. Isso porque a lei trata sobre o desconto escalonado e linear nas mensalidades de alunos da rede privada (escolas e faculdades) durante o período de pandemia.
Segundo explica Ihgor Rego, coordenador estadual do Programa de Orientação, Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), os descontos serão de 10% para instituições com até 500 alunos, 20% para instituições com até mil alunos e 30% para as instituições com mais de 1001 alunos.
Para que essa lei seja cumprida, os alunos ou responsáveis devem fazer a solicitação do desconto junto à escola, caso não consiga esse desconto, o Procon deve ser acionado, com a reclamação por meio dos canais de atendimento do serviço. Os telefones disponíveis são o 151, Whatsapp (69) 98491-2986 ou (69) 98482-0928, ou pelo perfil no Facebook Procon Rondônia.
A medida tomada pelo órgão de proteção ao consumidor é a convocação de uma audiência na intenção de resolver o caso e, concomitante a isso, a instituição poderá ser punida com a multa por descumprimento da lei.
O coordenador estadual do Procon, Ihgor Rego, disse que os alunos poderão ter ressarcimento do valor pago sem desconto – no caso de descumprimento, ou abatimento do desconto nas próximas mensalidades. “Não sendo cumprido essa solicitação, o consumidor também pode entrar com outra reclamação junto ao Procon para ter o direito garantido”, conclui.
Fonte: Portal Voz da Comunidade

Compartilhar:
Categorias: Geral

Notícias Relacionadas

Cacoal chega a 305 casos confirmados de Covid-19

No boletim divulgado nesta quarta-feira, 1° de julho, a Prefeitura Municipal confirmou 305 casos de covid-19 em Cacoal. Deste total, […]

01/07/2020

Vacina de covid-19 funciona em testes e Pfizer pode produzir 1 bi de doses

Julho já começou com uma boa notícia e a vacina experimental contra o novo coronavírus produzida pela gigante farmacêutica Pfizer em parceria com a empresa […]

01/07/2020

Sine: Surgem novas vagas de emprego em Cacoal

O Sine, Serviço Nacional de Emprego, anunciou nesta quarta-feira, 1º de julho, novas vagas de emprego para Cacoal. Após um […]

01/07/2020

Militares se mobilizam para proteger indígenas de covid-19 na Amazônia

Equipes levaram alimentos e remédios a comunidades isoladas (Por Leonardo Benassatto e Adriano Machado – Repórteres da Reuters – Boa […]

01/07/2020