Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

Rondônia recebe aeronave da Justiça Federal de São Paulo para combater a Covid-19

22/06/2020

Compartilhar:
Foto Do Falcão 03 Para Início Do Texto Daniel Garcia 2020 06 19 At 15.31.18

Na última sexta-feira (19), o Núcleo de Operações Aéreas (NOA), recebeu a presença do governador do Estado de Rondônia, coronel Marcos Rocha, que entregou para a sociedade a aeronave modelo Robison 66, adquirida através de doação da Justiça Federal de São Paulo, para ser usada nas ações de enfrentamento ao coronavírus.

“Sabendo da importância dessa aeronave para o nosso Estado, encaminhamos documentação solicitando ela para nós. Vários Estados queriam essa aeronave, entretanto, nós fomos hesitosos e conseguimos ela para Rondônia. Será muito importante para fortalecer nossas operações aéreas”, afirmou o governador Marcos Rocha.

Durante o discurso, o governador Marcos Rocha falou do fortalecimento da polícia no uso da aeronave para combater a criminalidade. “Essa aeronave veio para melhorar a vida dos nossos cidadãos. Um presente do Governo Federal que custa entre três a sete milhões e veio para fortalecer a segurança pública de Rondônia,” pontuou Marcos Rocha.

Foto Do Governador Conhecendo O Falcão 03 Daniel Garcia 2020 06 19 At 15.31.22

Até o fim do decreto de calamidade pública, a aeronave denominada de Falcão 03, estará destinada para combater a pandemia da Covid-19. E, demais ações de segurança pública, realizadas pelo Núcleo de Operações Aéreas (NOA), para garantir o cumprimento do decreto governamental. Assim afirmou o secretário de Segurança Pública do Estado de Rondônia (Sesdec), coronel José Hélio Cysneiros Pachá.

“A aeronave poderá ser usada prioritariamente em apoio à Secretaria de Saúde (Sesau) no deslocamento rápido de atendimento da população ribeirinha. E também, nas operações de reconhecimento de locais de festas, balneários clandestinos com foco na fiscalização do cumprimento do decreto em vigor, entre outras atividades julgadas de interesse à segurança pública do Estado de Rondônia”, declarou Pachá.

O delegado Evanilson Calixto Ferreira, chefe do Núcleo de Operações Aéreas, conta que a aeronave possui capacidade para até cinco ocupantes, com autonomia de três horas de voo pode ir direto da capital, Porto Velho, para Ji-Paraná, Cacoal, Guajará-Mirim com apenas o abastecimento feito no ponto de partida.

“Com essa aeronave é possível chegar a todas as localidades de Rondônia, principalmente naquelas de difícil acesso, onde não há pista para pouso de avião”, finalizou Calixto.

(SecomRO)

Compartilhar:

Notícias Relacionadas

O DIA 14 DE AGOSTO NA HISTÓRIA

Por Lúcio Albuquerque – jlucioalbuquerque@gmail.com: RONDÔNIA: 1823 – A Província do Grão Pará, cujas terras abrangiam todos Estados da (hoje) […]

14/08/2020

Rondônia passa dos mil mortos por Covid-19 nesta sexta-feira

Rondônia chora os mais de mil mortos por Covid-19 nesta sexta-feira e registra 47.288 casos da doença Mais de mil […]

14/08/2020

Trecho urbano da RO-471 em Ministro Andreazza recebe obras de recuperação e asfalto

Uma verdadeira frente de serviço no município de Ministro Andreazza está sendo desenvolvia para concluir a recuperação do trecho urbano […]

14/08/2020

Anvisa nega ‘acesso fácil’ à cloroquina e ivermectina

Pela resolução em vigor, o paciente é obrigado a apresentar as duas vias da receita médica, devendo a primeira ficar […]

14/08/2020