Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

O DIA 20 DE SETEMBRO NA HISTÓRIA

20/09/2020

Compartilhar:

Por Lúcio Albuquerque – jlucioalbuquerque@gmail.com

BOM DIA 20 DE SETEMBRO!

RONDÔNIA: 1943 – O presidente Getúlio Vargas assina o decreto-lei 5.839 estabelecendo competências e responsabilidades dos governadores dos Territórios Federais, que há uma semana ele havia criado.

COMEMORA-SE: Dia do Gaúcho, data que celebra a Revolução Farroupilha. Dia do Funcionário Municipal. Dia do Baterista.  Dia Internacional da Limpeza de Praia. Católicos lembram Santo André Kim, Santo Avilásio, Santa Fausta, Santa Candida Snoiori e Sano Eustáquio.

FATOS: 331 a.C. – Alexandre, o Grande inicia sua travessia ao rio Tigre para enfrentar o Império Aquemênida.

1276 – Eleição do Papa João XXI. Único papa a Urbano VI: início do Grande Cisma do Ocidente.

1519 – Fernão de Magalhães inicia a primeira viagem de circunavegação.

1378 – Eleição do Antipapa Clemente VII em oposição inicia, a partir de Espanha, aquela que seria a primeira viagem de circum-navegação do mundo.

1835 – Entrada, em Porto Alegre, pelos Farroupilhas, vencendo o Combate da Ponte da Azenha (início da Revolução Farroupilha).

1896 – Nasce Eduardo Gomes, patrono da Força Aérea Brasileira.

1897 – Nasce Humberto de Alencar Castelo Branco, que foi coronel na campanha da FEB na Itália, e 26º presidente brasileiro.

1898 – Santos Dumont  realiza primeiro voo de um balão com propulsão própria.

1935 – Nasce Orlando Peçanha de Carvalho, zagueiro da seleção brasileira campeã mundial de 1958.

1946 – O primeiro Festival de Cinema de Cannes é realizado, tendo sido adiado sete anos devido à Segunda Guerra Mundial.

1960 – Inaugurada a TV Cultura, uma rede de televisão em São Paulo.

1982 – Os jogadores de futebol americano iniciam a greve de 57 dias durante a temporada de  

1990 – Quarenta e cinco anos depois da divisão de Berlim ao fim da II Guerra Mundial, acontece a reunificação da Alemanha Ocidental com a Oriental.

2005 – Morre Simon Wiesentahl, sobrevivente do campo de concentração Birkenau e o mais famoso caçador de nazistas.

FOTO DO DIA: Na cena captada por Dana B. Merril, fotógrafo estadunidense contratado pelos construtores da ferrovia Madeira-Mamoré, a dura luta que ilhares de homens de dezenas de nacionalidades  enfrentaram para cumprir o acordado pelo Brasil no Tratado de Petrópolis, a construção de uma ferrovia paralela às quedas d’água do Rio Madeira. Contra a força da natureza e o apavoramento dos burros de carga, o trabalhador tem de usar muita força para evitar que os animais desaparecessem nas selvas onde seriam presas fáceis para os grandes predadores.

13a780ee Eabd 4222 9312 9883a8abc432
Compartilhar:

Notícias Relacionadas

Senador Marcos Rogério, vice-líder de Bolsonaro, reforça apoio a campanha de Vasques

O Senador Marcos Rogério (DEM), esteve neste sabádo (24) em Cacoal, onde reforçou seu apoio na campanha do candidato Marco […]

25/10/2020

Trágico acidente mata empresário na Br-364, próximo a Presidente Médici

Um trágico acidente na noite deste sábado 24, deixou uma pessoa morta, e dois feridos na Br-364, saída de Presidente […]

25/10/2020

Afogamento: Mais um jovem morre afogado enquanto banhava com amigos no Rio Urupá

As mortes por afogamento este ano, tem superado os limites de todos os outros anos. Já foram muitas vidas perdidas […]

25/10/2020

Adoção e abandono de animais domésticos aumentaram

Ter, em casa, a companhia de um animal doméstico pode representar, para muitos, uma forma de espantar a solidão que […]

25/10/2020