Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio

“Farei política como missão e não como negócio”, afirma Dr. Paulo Henrique

O vereador eleito garantiu essa postura em seu primeiro mandato na Câmara Municipal de Cacoal

16/12/2020

Compartilhar:
Advogado Paulo Henrique

Eleito vereador com 547 votos nas eleições 2020, Paulo Henrique Silva concedeu entrevista a equipe de jornalismo, momento em que fez uma análise da campanha municipal e enumerou seus propósitos no Legislativo em Cacoal. É advogado especialista em direito previdenciário e atualmente exerce a advocacia na cidade de Cacoal.

Paulo Visita Politica1
Valter Lins, (velho amigo), Éder(irmão), Marli(mãe) e Dr. Paulo Henrique

Drº Paulo Henrique, como é conhecido, é cristão, católico, 36 anos, advogado, jornalista, vice-presidente do PTB/Cacoal e empreendedor nato (ex-vendedor de queijo). É pai da Maria Clara, filho da Dona Marli (Bairro Paineiras), irmão do Éder e do Deibton José). Seu pai faleceu vítima de câncer em Barretos/SP (2011). “A maior perda até o momento”, explica.

Iniciou sua atividade de conscientização política incentivando a participação popular e colocando os interesses coletivos acima dos individuais. Formado em jornalismo veio trabalhar como assessor de imprensa na prefeitura de Cacoal (2006). Trabalhou como assessor parlamentar na Câmara dos Deputados (2009). Em 2015 iniciou a atividade jurídica com seu escritório PHS Advocacia.

CONFIRA A ENTREVISTA ABAIXO:

PERGUNTA: Faça uma análise de sua campanha eleitoral. Qual é a maior dificuldade (se teve) que encontrou na campanha?

PAULO HENRIQUE: As mudanças na regra eleitoral já previam que as eleições de 2020 teriam novos elementos. Porém, o cenário imposto pela pandemia da Covid-19 ampliou o panorama inédito deste pleito. Ao contrário do modelo tradicional, a maneira de se fazer campanha este ano desafiou partidos, candidatos, autoridades e, principalmente, os eleitores. Saiu o corpo a corpo e entrou a presença efetiva no mundo virtual. Para mim, a maior dificuldade foi o distanciamento social, motivo do alto índice de abstenção de votos em Cacoal e no Brasil.

PERGUNTA: Porque o senhor acredita que a população lhe concedeu a vitória nas urnas?

PAULO HENRIQUE: A população, através do voto de confiança, me conduziu ao parlamento municipal para cumprir o papel constitucional de vereador (em consonância com os artigos 29 a 31 da Constituição Federal), que é fiscalizar, julgar as contas, legislar sobre assuntos de interesses local e acompanhar às ações do executivo municipal com imparcialidade. Acredito que nossa simplicidade, determinação e responsabilidade foram reconhecidos pela população de Cacoal.

PERGUNTA: Qual será sua postura no parlamento a partir de 1º de janeiro de 2021 na aprovação ou rejeição de projetos?

PAULO HENRIQUE: Serei extremamente rigoroso na análise dos projetos apresentados à Casa de Leis. Qualquer iniciativa do prefeito em prol da população e do município de Cacoal terá meu voto favorável. Porém se houver projetos que elevem a carga tributária, desrespeito ao servidor público e afronta aos princípios do direito administrativo e constitucional terá meu repúdio e voto contrário.

PERGUNTA: Como será seu relacionamento com o Executivo?

PAULO HENRIQUE: Não serei oposição ao prefeito Adailton Fúria e ao vice Cassio Gois. A democracia nos impõe respeito e harmonia entre os poderes. Farei o meu trabalho visando a boa aplicação dos recursos públicos, afinal o orçamento do município de Cacoal para 2021 será de R$ 233.154 milhões.

PERGUNTA:  Seu nome é forte como candidato à presidência da Câmara. O senhor vai disputar mesmo? Caso seja não, gostaria de fazer parte da Mesa Diretora?

PAULO HENRIQUE: Nosso nome está em evidência para presidir a Casa de Leis por sermos abertos ao diálogo, por respeitar, conhecer e cumprir fielmente o regimento interno da Câmara Municipal, o pilar do Poder Legislativo. Vamos respeitar a pluralidade de pensamentos e correntes ideológicas. Devolver ao plenário sua soberania quanto à discussão das pautas e a socialização das matérias aos edis. Sou defensor da liberdade e independência da casa legislativa.

A política só vai funcionar para as pessoas comuns, quando as pessoas comuns e talentosas começarem a participar da política. Quem não cumpre acordo não gera credibilidade, não gera simpatia, muito menos prosperidade legislativa. Conto com apoio e o voto de confiança dos pares para presidirmos a Câmara no Biênio 2021/2022.

PERGUNTA: Qual é sua mensagem à população de Cacoal?

PAULO HENRIQUE: Acredito que a política é o único instrumento social capaz de mudar a realidade de uma cidade, de um bairro e do seu povo. Decidi sair dos bastidores e me colocar à disposição da população para melhorar a vida das pessoas que mais necessitam. É necessário que o agente público enxergue a política como missão, propósito e não como negócio. Deixo aqui um forte abraço para a população de Cacoal. Um feliz natal e um próspero 2021 cheio de bençãos! (ASSESSORIA).

Compartilhar:

Notícias Relacionadas

Governo suspende visitas a presos para evitar disseminação da Covid em Rondônia

Estarão suspensas, a partir da próxima segunda-feira 18, as visitas sociais nos estabelecimentos penais do Estado de Rondônia, por deliberação […]

17/01/2021

Novo decreto limita acesso a supermercados e farmácias e impõe regras para venda e consumo de bebidas

O Governo do Estado publicou na noite deste sábado (16), um novo decreto, com regras ainda mais duras Em uma […]

17/01/2021

O DIA 17 DE JANEIRO NA HISTÓRIA

Lúcio Albuquerque – jlucioac@gmail.comBOM DIA 17 DE JANEIRO! RONDÔNIAEm 2009 – Falece em Porto Velho, aos 94 anos, o professor, […]

17/01/2021

Enem em Cacoal: Nota de esclarecimento do prefeito Adailton Furia

O Prefeito do Município de Cacoal, Sr. Adailton Antunes Ferreira, por sua assessoria de imprensa, informa a população de Cacoal […]

16/01/2021