Cacoal/RO, 1 de março de 2024 – 14:08
Search
Search
1 de março de 2024 – 14:08

Coluna do Xavier – CACOAL: A ELEIÇÃO, OS VEREADORES E AS REDES SOCIAIS…

 

CACOAL: A ELEIÇÃO, OS VEREADORES E AS REDES SOCIAIS…

A população de Nossa Urbe Obediana certamente testemunhou, várias vezes, durante as sessões da Câmara Municipal, muitos vereadores declarando que não usam as redes sociais, não gostam de falar em grupos de zap e dizendo que as pessoas que usam as redes sociais são desocupadas. Isso aconteceu muitas vezes, nos últimos três anos, porém a tendência é que haja uma mudança radical nesse cenário. Nossos edis passaram a gostar muito das redes sociais, neste ano de 2024, todavia isso não configura nenhuma surpresa, porque, em outubro, teremos eleições. Então, eles estão de volta…

As rodas de conversas sobre política também estão bem intensas, neste início de ano, e as bolsas de apostas apresentam diversos cenários bem distintos. Na opinião de muitas pessoas, o melhor cenário para outubro seria trocar todos os vereadores, ou a maioria deles, embora isso não seja sinônimo de progresso. Na última eleição, a composição do legislativo de Cacoal praticamente mudou inteira. Na legislatura anterior, a população reclamava de muitas baixarias dentro da Câmara Municipal de Cacoal. Nesse sentido, as coisas mudaram para pior. E grande parte da população também mudou. Aquelas pessoas que diziam, tempos atrás, que a cidade precisava eleger vereadores que fiscalizam não aceitam mais a fiscalização. Os vereadores que fiscalizam são tratados como o demônio; enquanto aqueles que fecham os olhos para tudo são considerados ídolos. Assim, a mudança pela mudança não significa muita coisa. É preciso avaliar o perfil e preparo de todos os candidatos.

A volta dos vereadores às redes sociais será a certeza de prometer todas coisas prometidas em 2020: moralização da Câmara Municipal, zelo pela coisa pública e respeito pelo contribuinte. Além disso, os candidatos prometeram coisas que não tem nada a ver com mandato de vereador. Eles falavam em trazer indústrias para o município, gerar empregos, construir estradas, pontes, escolas e hospitais… Quantos empregos foram gerados pelos vereadores? Quantas indústrias eles trouxeram para o município?? A resposta é: nenhum, nenhuma, porque isso não é atribuição de vereador. E vários candidatos nas eleições de 2020, que estão no mandato, fizeram essas promessas. Resta saber se eles vão repetir as promessas, ou se farão outras novas… O problema de fazer promessas mirabolantes, nos dias atuais, é que tudo fica gravado em textos, áudios e vídeos, nas redes sociais. E o eleitor adora resgatar essas coisas em período eleitoral.

Como a tradição estabelece que, no Brasil, o ano começa depois do carnaval, é possível que a população tenha muitas emoções, a partir do dia 15 deste mês. Essas emoções estão relacionadas com os “milhões” de reais que nossos vereadores conseguem toda semana. Todo mundo sabe que isso não passa de uma mentira deslavada, mas tem muita gente que acredita. Aliás, os próprios vereadores que inventam essas mentiras sabem que não existe nenhum fundo de verdade, mas até eles passaram a acreditar. Se alguém resolver fazer as contas, os vereadores dessa legislatura “conseguiram” muito mais recursos para Cacoal do que todos os deputados estaduais, federais e senadores da história do município. E não dá para dizer que eles fazem isso por desinformação. A coisa parece ter muito mais um tom de má fé. Em alguns casos, nossos vereadores já assumiram a paternidade de recursos destinados ao município muito antes de serem eleitos. Na prática, eles adoram ir a Brasília fazer turismo. Nos últimos dias, por exemplo, vários vereadores deixaram o município com destino à Capital Federal. Segundo eles, foram em busca de recursos. O problema é que nossos edis adoram escolher datas incompatíveis com a movimentação de Brasília. Neste período, é muito difícil encontrar congressistas e ministros em Brasília, porque eles estão em seus estados cuidando do carnaval.

Então, a certeza de um ano agitado é garantida, como também é certo que nossos vereadores estarão nas ruas, dizendo que trabalharam muito pela cidade e querem “continuar trabalhando”. Aliás, essa expressão sempre foi muito usada pelos políticos que praticam a chamada velha política, aquela feita de chavões, frases feitas e bordões que eram muito comuns nas décadas de 70, 80 e 90. Talvez fosse interessante o eleitor realizar uma audiência pública com todos os vereadores e perguntasse quais foram os projetos elaborados por eles e que serviram para mudar alguma coisa na vida dos cacoalenses. O complicado é que as pessoas não fazem esses questionamentos e preferem idolatrar os vereadores com base nas muitas lives que eles fazem para engrupir os mais desatentos. A partir do mês de julho, porém, será possível avaliar melhor os nomes que estarão na disputa por uma cadeira no legislativo obediano. Caso contrário, a turma das lives seguirão iludindo a população, com tantos colóquios flácidos para acalentar bovino… Tenho dito!!!!

 

FRANCISCO XAVIER GOMES – Professor da Rede Estadual e Jornalista

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp