Rondônia, 18 de julho de 2024 – 15:42
Search
Anuncie aqui
Search
18 de julho de 2024 – 15:42

O DIA 15 DE MARÇO NA HISTÓRIA

Anuncie aqui


Por Lúcio Albuquerque – [email protected]

BOM DIA 15 DE MARÇO!

RONDÔNIA
1987 – Toma posse o primeiro governador eleito do Estado de Rondônia, o ex-deputado federal Jerônimo Santana

COMEMORA-SE
Dia da Escola; Dia Mundial do Direito do Consumidor, Dia Internacional do Consumidor. Católicos lembram Santa Luíza de Marillac, Santo Clemente, Maria Hofbauer, São Longuinho, B. Artemide Zati.

FATOS
44 a.C. – Júlio César, imperador romano, é morto a facadas por Marco Júnio Bruto, que ele chamava de “filho”.

1493 – Cristóvão Colombo retorna à Espanha depois de sua primeira viagem à América.

1545 – Primeira sessão do Concílio de Trento, iniciando a contrarreforma em resposta à dissidência de Martinho Lutero.

1789 – Joaquim Silvério dos Reis denuncia ao Visconde de Barbacena a Inconfidência Mineira.

1944 – A Força Expedicionária Brasileira participa da tomada de Monte Cassino (Itália).

1956 – O presidente JK cria a empresa Novacap, para organizar a ocupação do solo de Brasília.

1967 – O Brasil passa a ser denominado “República Federativa do Brasil”.

1975 – Implantação do Estado do Rio de Janeiro, fundindo o Rio com o Estado da Guanabara.

1985 – Término do período de governos militares no Brasil.

1991 – O médico Osvaldo Piana, ex-deputado estadual, toma posse como governador do Estado, único natural de Rondônia a ocupar a função.

2001 – Três explosões destroem a Plataforma P-36 da Petrobras na Bacia de Campos, com 81 mortes de trabalhadores.

FOTO DO DIA

D7db1fe0 Da0f 4467 91c4 9c1a7b396886

Há 34 anos o Estado de Rondônia, instalado em 1983, teve a posse de seu primeiro governador eleito, Jerônimo Garcia de Santana, goiano, que em 1985 foi o primeiro prefeito eleito de Porto Velho desde 1925. Chamado de “Doutor Bengala”, por amigos e adversários, Jerônimo liderou o MDB rondoniense, sendo eleito deputado federal em 1970, 71 e 78. Em 1981 na votação do projeto de criação do Estado saiu do plenário para não votar. Em 1986 foi eleito governador de Rondônia, com 153 mil votos. Desde a instalação do Território, em 1944, foi o 30º cidadão a assumir o governo. Durante a discussão da Constituição de 1989 Jerônimo tentou mudar a capital para a região próxima a Ji-Paraná, através de proposta do deputado Edson Fidelis, com base política naquele município, mas foi derrotado numa articulação liderada pelo deputado Amizael Silva, relator da Carta. Jerônimo (mão direita no quadril) tentou duas vezes voltar a ter mandato, sem conseguir. Morreu em setembro de 2014.

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp