Rondônia, 12 de julho de 2024 – 14:19
Search
Anuncie aqui
Search
12 de julho de 2024 – 14:19

O DIA 4 DE MARÇO  NA HISTÓRIA

Anuncie aqui

Por Lúcio Albuquerque- [email protected]

 

BOM DIA 4 DE MARÇO!

 

COMEMORA-SE
Dia Mundial da Oração (sempre na 1ª 6ª feira de março).

Católicos lembram são Lúcio e São Casimiro; beato Humberto de Savóia.

RONDÔNIA
1983 – Pelo decreto-lei municipal 860 fica criada a Bandeira do município de Guajará-Mirim/RO.

BRASIL
1719 – José Bonifácio de Andrada e Silva é admitido como membro da Academia de Ciências de Lisboa.

1974 — Inaugurada a Ponte Rio–Niterói, ligando as cidades do Rio de Janeiro e Niterói.

1910 -Nasce Tancredo Neves.

2003 — Morre Celly Campello, cujos sucessos “Banho de Lua”, “Biquíni de Bolinha Amarelinha” e “Broto legal”, introduziram o rock em português no Brasil.

MUNDO
1493 – Cristóvão Colombo, em Lisboa, conta ao rei de Portugal a descoberta do novo “arquipélago, que denominou Índias Ocidentais.

1924 – A canção “Parabéns pra você” é publicada por Clayton Summy.

1932 – Nasce a cantora sul-africana Miriam Makeba, a Mama África.

1986 — A sonda espacial soviética Vega 1 envia imagens do Cometa Halley e do seu núcleo.

FOTO DO DIA

A 30 de novembro de 1949 o morador Fuad Nagib, inaugurou o primeiro sistema eletrônico de informação de Porto Velho, o “Serviço de Alto Falante do Rio Madeira”, a seguir vendido ao cidadão Humberto Amorim (assinalado ao lado do governador Jorge Teixeira), e o “pau-do-fuxico” ou “rádio cipó” passou a ser chamado “Voz da Cidade”, instalando várias “bocas de som” pela Avenida Sete de Setembro, levando música, comerciais, entrevistas e informação à população. Ele já era sócio do jornalista Petrônio Gonçalves”, editor do jornal Alto Madeira, na Rádio Difusora do Guaporé, de curta duração, e depois transferiu a “Voz da Cidade” para os bairros São Cristóvão e Zona Leste. Em Guajará-Mirim, ainda na década de 1960, funcionou um serviço implantado pelo cidadão Valdemar Lemos, com as ‘bocas-de-som’ instaladas em uma caixa d’água ao lado de uma agência do Banco do Brasil. Os “paus-do-fuxico” na década de 1970 funcionavam nos municípios ao longo da BR-364.

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp