Os 5 melhores batedores de pênalti da história do futebol em aproveitamento

Os 5 melhores batedores de pênalti da história do futebol em aproveitamento

Dentre os assuntos mais comentados do mundo do futebol nas últimas semanas, Raphael Veiga, do Palmeiras, e Dario Benedetto, do Boca Juniors, foram certamente os principais alvos dos programas esportivos e torcedores por suas recentes falhas em cobranças de pênalti.

Antes com 100% de aproveitamento com a camisa palmeirense nesse fundamento (22 gols em 22 tentativas) e apenas um erro (ainda pelo Atlhetico-PR), o meio-campista brasileiro vem de três penalidades desperdiçadas consecutivamente. Duas delas foram decisivas para a eliminação do alviverde para o São Paulo nas oitavas de final da Copa do Brasil.

Já o argentino, depois de perder dois penais contra o Corinthians pela fase de oitavas da Copa Libertadores (um no tempo normal e outro no chute decisivo de desempate), mais uma vez falhou numa cobrança, desta vez contra o Talleres, pela liga local. Seu retrospecto antes dessas falhas era de 12 tentos em 14 chutes desde que se profissionalizou.

A repercussão do assunto acendeu o debate sobre o preparo e as melhores estratégias para se bater um pênalti e trouxe à tona aqueles que são considerados os maiores especialistas no quesito, considerando o aproveitamento. No top 5, nenhum brasileiro e apenas um jogador que ainda brilha nos gramados pelo mundo.

 

5 – Robert Lewandowski

Único nome da lista ainda em atividade, o atacante polonês não apenas é um dos maiores goleadores do planeta atualmente como também aquele que melhor bate pênaltis. Eleito pela Fifa o melhor jogador do mundo nos últimos dois anos, Lewa tem um aproveitamento de 91% (71 em 78) na marca da cal em toda a carreira. Entre 2014 e 2018, atuando pelo Bayern de Munique, o camisa 9 converteu os 31 penais que cobrou.

 

4 – Rickie Lambert

Apesar de ter defendido nove times diferentes (todos no Reino Unido) ao longo de sua carreira (de 1998 a 2017), Lambert se destacou mesmo pelo Southampon. Por lá, marcou 117 gols em 235 jogos e foi um dos grandes responsáveis pelo retorno da equipe à Premier League, em 2012, após sete anos. Dos 221 gols como jogador profissional, o atacante inglês anotou 50 de pênalti em 53 tentativas, média de 94,3% de acerto. Pelos “The Saints”, ele marcou em todas as 34 cobranças que fez.

 

3 – Alan Shearer

Maior artilheiro da história do Newcastle com 206 tentos e considerado um dos melhores atacantes ingleses de todos os tempos, Shearer marcou 481 gols em 642 partidas como jogador profissional, de 1988 a 2006. Nas penalidades, também foi um dos grandes nomes já vistos nos campos da Europa: converteu 70 das 74 que cobrou, atingindo 94,5% de aproveitamento.

 

2 – Matt Le Tissier

Jogador profissional entre os anos de 1986 e 2003, o meio-campista nascido na ilha de Guernsey, no Canal da Mancha, foi o primeiro de sua posição a marcar 100 gols na Premier League, chegando a 101. Também um dos grandes nomes da história do Southampton, foi formado na base do time inglês e por lá atuou durante 15 anos, marcando 210 gols em 540 jogos. Nesse período, cobrou 49 pênaltis e converteu 48 (97,9% de acerto).

 

1 – Ledio Pano

O maior cobrador de pênaltis de todos os tempos é o único a não ter jogado nos grandes centros europeu e talvez o jogador menos conhecido da lista. De 1986 a 2002, o albanês defendeu apenas clubes do seu país e da Grécia, o que não lhe tira o mérito de nunca ter errado uma cobrança de pênalti. De acordo com a própria UEFA, Pano acertou todas as 50 penalidades que cobrou na sua carreira, garantindo seus 100% de aproveitamento no quesito.

 

Outros batedores de destaque

Apesar de não estarem na lista com os melhores aproveitamentos, há na história do futebol nomes que merecem ser mencionados pelas suas qualidades na marca da cal. Cristiano Ronaldo, por exemplo, é o jogador que mais gols marcou nesse fundamento: 144 (e desperdiçou 29).

O francês Eric Cantona (19 em 19) e o marfinense Yaya Touré (15 em 15) são outros que nunca erraram uma batida, mas com bem menos tentativas do que Ledio Pano e outros componentes do top 5 acima. Entre os brasileiros, Ronaldo Fenômeno é o melhor no quesito, indo às redes em 45 das 50 cobranças (90%) que teve na carreira.

 

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp

Últimas