Cacoal/RO, 18 de abril de 2024 – 12:58
Search
Search
18 de abril de 2024 – 12:58

Se liga! A entrega da Declaração de Imposto de Renda é nessa sexta-feira, dia 15 de março

Você já está preparado para a entrega da declaração de imposto de renda? Para quem teve rendimentos tributáveis superiores a R$ 30.639,90, a grande vantagem da entrega da declaração de imposto de renda é receber os valores das restituições de forma antecipada se o declarante entregar o mais rápido possível. Esse ano tem novidades nos limites de obrigatoriedade de entrega do imposto de renda, que foram atualizados:

  • Limite de rendimentos tributáveis passou de R$ 28.559,70 para R$ 30.639,90
  • Limite de rendimentos isentos e não tributáveis de R$ 40 mil para R$ 200 mil
  • Receita bruta da atividade rural de R$ 142.798,50 para R$ 153.199,50
  • Posse ou propriedade de bens e direitos de R$ 300 mil para R$ 800 mil

 

Restituição 2024

A restituição do imposto será paga de maio a setembro, de acordo com o seguinte calendário:

  • Primeiro lote: 31 de maio
  • Segundo lote: 28 junho
  • Terceiro lote: 31 julho
  • Quarto lote: 30 agosto
  • Quinto e último lote: 30 setembro

A prioridade no pagamento segue a ordem:

  • Contribuintes idosos com idade igual ou superior a 80 anos;
  • Contribuintes idosos com idade igual/superior a 60 anos, deficientes e portadores de moléstia grave;
  • Contribuinte cuja maior fonte de renda seja o magistério;
  • Contribuintes que utilizaram a pré-preenchida e/ou optaram por receber a restituição por Pix;
  • Demais contribuintes.

Quem deixa para última hora para entregar a declaração sempre fica no último lote para restituir.

Outro detalhe importante para quem é Autônomo ou MEI. A declaração de imposto de renda serve para a maioria das instituições financeiras como comprovação de renda. Válido para o ano todo!

Aqueles que não tem valores a restituir e sim a pagar, tem a opção de usarem parte do valor dos impostos para destinar aos fundos de ajuda as crianças e idosos.

Tem o aumento de 1 ponto percentual na dedução de doações para projetos esportivos e paradesportivos, podendo chegar a 7% do Imposto de Renda devido;

Doação de 6% (do imposto devido a projetos) que estimulem a cadeira produtiva de reciclagem;

Retorno da doação de 1% (do imposto devido) ao Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (Pronon);

Retorno da doação de 1% (do imposto devido) ao Programa de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência (Pronas).

Você não é obrigado a ir ao contador para fazer sua declaração, mas na dúvida é bom procurar um. Você pode ir nas faculdades que se oferecem para tirar suas dúvidas nos plantões do imposto de renda.

Maycon Klippel
Contador

Especialistas em contabilidade, finanças e custos.
CRC RO – 010220/O-1

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp