Rondônia, 23 de julho de 2024 – 20:34
Search
Anuncie aqui
Search
23 de julho de 2024 – 20:34

China se dispõe a ajudar Rússia e Ucrânia a acertarem acordo de paz

Anuncie aqui

Ministro das Relações Exteriores do país asiático demonstrou ‘preocupação’ em telefonema com chanceler ucraniano

O secretário-geral do PCC, Xi Jinping | Foto: Divulgação/Flickr

Partido Comunista da China (PCC) se dispôs a ajudar a Rússia e a Ucrânia a chegarem a um acordo de paz. Nesta terça-feira, 1°, o chanceler chinês, Wang Wi, telefonou para o ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, e prometeu ajudar nas negociações pelo cessar-fogo.

A conversa é a primeira entre os dois países desde que a Rússia iniciou os ataques, na semana passada. O diálogo indica uma mudança de postura do PCC. Nos primeiros capítulos do conflito, a China se absteve de condenar a invasão e se recusou a acatar sanções econômicas contra a Rússia.

Wang Wi disse a Kuleba que está “extremamente preocupado com a guerra”. Depois da conversa, a China emitiu uma nota detalhando o diálogo. “A Ucrânia está disposta a reforçar a comunicação com a China e espera que a China tenha um papel na obtenção de um cessar-fogo”, informou o documento.

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp