Cacoal/RO, 3 de março de 2024 – 19:54
Search
Search
3 de março de 2024 – 19:54

Ministro diz que socorro a empresas aéreas não vai usar dinheiro do Tesouro Nacional

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, anunciou nesta segunda-feira, 5, que um possível fundo de ajuda às empresas aéreas em dificuldades não será financiado pelo Tesouro Nacional. A declaração foi feita após uma reunião com economistas no Instituto Brasileiro de Economia (IBRE) da Fundação Getulio Vargas, no Rio de Janeiro. Segundo Haddad, está sendo feito um levantamento da situação e que a intenção é viabilizar uma reestruturação do setor, mas sem envolver gastos primários.

“Nós estamos fazendo um levantamento da situação. Nós vamos entender melhor o que está acontecendo e não existe socorro com dinheiro do Tesouro. Isso não está nos nossos planos. O que está eventualmente na mesa é viabilizar uma reestruturação do setor, mas que não envolva despesa primária”, afirmou.

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp