Cacoal/RO, 13 de junho de 2024 – 04:33
Search
Search
13 de junho de 2024 – 04:33

O DIA 11 DE ABRIL NA HISTÓRIA – 1964 Humberto Castelo Branco é eleito o 26º presidente do Brasil

11.4.2024 – BOM DIA!

Lúcio Albuquerque
69 99910 8325

RONDÔNIA
1918 – Por falta de rubrica do juiz da Comarca no relatório final os votos dos eleitores de Porto Velho na eleição geral realizada há dias, não foram considerados pela Junta Apuradora, em Manaus.
1946 – O governador do Guaporé, Joaquim Rondon, elogiou o brigadeiro Lysias Rodrigues por sua posição contrária à extinção dos Territórios Federais criados em 1943.
1946 – Em audiência com o presidente Eurico Dutra, o coronel Aluízio Ferreira disse ser urgente que o Governo Federal, com o fim dos convênios com os EEUU, dar maior e melhor atenção à Amazônia.
1954 – O governador Ênio Pinheiro quer comprar gado no Amazonas, na Bolívia e até trazer de Cuiabá, para Porto Velho, onde a falta do produto é problema sério.
11 – 1981 – O presidente regional do PDS Claudionor Roriz negou a possibilidade de Paulo Maluf ser candidato a uma das 3 vagas ao Senado pelo partido na primeira eleição estadual, ano que vem.
1987 – O bispo D. Geraldo Verdier (Guajará-Mirim) acusa o fazendeiro Pascoal Novaes (Ariquemes) de mandar jagunços expulsar colonos que há décadas moram e trabalham em Santa Fé (Costa |Marques).

HOJE É
Dia Mundial de Conscientização da Doença de Parkinson. Dia do Infectologista. Dia da Escola de Samba.
Católicos celebram Santa Gema Gálgani, Santo Estanislau.

BRASIL j
1925 – Morre o cientista Emilio Ribas, fundador do Instituto Butantã. 1964 —Humberto Castelo Branco é eleito o 26º presidente do Brasil, em sessão do Congresso Nacional. 1996 – Morte do Profeta Gentileza.

MUNDO
1909 — A cidade de Tel Aviv é fundada. 1919 — Fundação da Organização Internacional do Trabalho. 1963 — O papa João XXIII publica a Pacem in Terris, a 1ª encíclica dirigida não só aos católicos romanos.

 

FOTO DO DIA

O LÍDER PELE CURTA (III)

Por que o deputado federal Renato Medeiros (FOTO) foi cassado em 1964? Não encontrei uma resposta que me satisfizesse. Ouvi “cutubas” e “peles curtas”.
Sobre ele, só um elogio: “O dr. Renato era competente e caridoso”, mesma coisa dita sobre os daquele tempo. A ele só uma homenagem, da prefeitura de Porto Velho, patrono da “Unidade de Saúde da Família”, no Bairro Cidade do Lobo.
O período político vivido por Renato Medeiros, foi o da louca disputa de “cutubas’ (ligados a Aluízio Ferreira) e “peles curtas”, o grupo de Renato.
O deputado federal mandava no Território: indicava o governador, os prefeitos de Guajará-Mirim e Porto Velho, os melhores cargos eram dele etc.
Ouvi várias vezes, e isso me intriga o nome do dr. Renato era o último, e escrito à mão, colocado pelo seu adversário Aluízio Ferreira.
Que influência teria Aluízio para ter acesso à lista? Bom, ouvi também que Aluízio tinha um apartamento em Copacabana, onde figuras importantes do meio militar costumavam se reunir.
Eu continuo buscando a resposta.

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp