Rondônia, 18 de julho de 2024 – 16:12
Search
Anuncie aqui
Search
18 de julho de 2024 – 16:12

O DIA 29 DE AGOSTO NA HISTÓRIA

Anuncie aqui

Por Lúcio Albuquerque
Whatsapp 69 99910 8325

 

BOM DIA 2ª feira, 29 DE AGOSTO

HOJE É
Dia Nacional de Combate ao Fumo, Dia Internacional contra Testes Nucleares. Dia Internacional do Gamer.
Católicos celebram São Saturnino, Santa Joana Maria da Cruz.

RONDÔNIA
1984 –O jornalista Ary de Macedo analisa a situação política de Rondônia com vistas à eleição presidencial de janeiro de 1985 e pergunta, usando fala do presidente João Figueiredo: “Malufar ou Dançar?” (Jornal Ato Madeira)

1988 – Mais votado na disputa pelo Senado em 1986, mas derrotado pelo critério da legenda, o ex-deputado Federal Chiquilito Erse é um dos oito candidatos à prefeitura portovelhense em novembro. Seria eleito. (Jornal Alto Madeira)

BRASIL
1730 – Nasce Antonio Francisco Lisboa, o Aleijadinho maior escultor barroco brasileiro e
arquiteto do Brasil colonial (m. 1814).

1825 – O Brasil firma com Portugal o Tratado de Paz e Aliança oficializando o reconhecimento lusitano, e ainda paga 2 milhões de libras esterlinas aos lusos.

MUNDO
1904- Inauguração em Saint Louis (EUA) dos III Jogos Olímpicos da Era Moderna; o Brasil só participaria em 1920.

1958 – Nasce Michael Jackson, “Rei do Pop” (m. 2009).

1991 — Soviete Supremo da União Soviética suspende todas as atividades do Partido Comunista Soviético.

1997 — Netflix é lançado como um serviço de aluguel de DVD na Internet.

 

FOTO DO DIA

Um caso ainda não esclarecido totalmente pela polícia portovelhense, o sumiço do radialista José Wilton Guedes, como registrou o jornal Alto Madeira numa nota pequena dia 28 de agosto de 1976, mas quatro meses antes, em abril, o AM registrava que o delegado-geral José Anastácio dissera ao jornalista Wladimir de Carvalho que ele próprio, delegado, estava ameaçado de morte se desse andamento às investigações do crime o corrido em julho de 1975.  Wladimir, âncora do telejornal da TV-Rondônia, pediu garantias à Polícia porque as ameaças já estavam atingindo sua família, mas de nada adiantou e o jornalista, conforme comentários da época, transferiu-se para Rio Branco (AC) e depois Brasília.

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp