Rondônia, 19 de julho de 2024 – 13:37
Search
Anuncie aqui
Search
19 de julho de 2024 – 13:37

Palmeiras vê chance de título brasileiro subir para 86%; Inter desponta como novo desafiante

Anuncie aqui

 

As últimas rodadas do Brasileirão deixaram o Palmeiras ainda mais próximo do título da principal competição do futebol brasileiro – que seria sua 11ª conquista. Com as vitórias nas últimas semanas pelo Campeonato Brasileiro, o Verdão viu sua probabilidade de título aumentar significativamente, o que parece nos mostrar que a conquista alviverde pode ser dada como quase certa.

Já o Flamengo, que, após a chegada de Dorival Júnior, dava indícios de que poderia fazer frente ao clube paulista na busca pela liderança da competição, vem de um mau momento no Brasileiro – não vence há três rodadas – e acabou ficando para trás na disputa pelo título. Atualmente, o Rubro-Negro tem apenas 1,6% de chances de ser campeão brasileiro.

Quem vem de um bom momento na competição e tem aumentado suas chances de título é o Internacional, que atualmente ocupa a vice-liderança do Brasileiro. Nas últimas rodadas, o Inter foi de 5,8% de probabilidade de título para 7,3%, e diminuiu a distância para o Palmeiras para 8 pontos. Uma sequência de jogos em casa nas próximas rodadas pode fazer com que o Colorado aumente ainda mais as possibilidades de uma conquista.

Os dados são de um levantamento feito pelo portal Espião Estatístico em parceria com o economista Bruno Imaizumi, e leva em consideração parâmetros como produtividade ofensiva e defensiva, expectativa de gols, além de se basear em 10 mil simulações para cada partida a ser disputada.

 

Briga pelas primeiras posições

 

Depois da vitória no Clássico da Saudade, sobre o Santos no Allianz Parque, o Palmeiras viu a chance de título no Campeonato Brasileiro aumentar de 80% para 86%. Sites de apostas como a Midnite apontam o clube paulista como o favorito à vitória na maioria dos confrontos das próximas rodadas, o que garantiria a conquista ao Alviverde com algumas rodadas de antecedência.

Os atuais três primeiros colocados do Campeonato Brasileiro – Palmeiras, Internacional e Fluminense – já conseguiram se descolar dos outros perseguidores e abriram boa distância no G4. Com isso, os três times praticamente já selaram a classificação à Copa Libertadores de 2023.

O Tricolor Carioca, por sinal, há algumas rodadas, era a equipe que demonstrava potencial para alcançar o Palmeiras na liderança. No entanto, uma sequência irregular, que incluiu derrotas para o Inter e para o Athletico, afastaram o Fluminense da briga pelo título.

Já o Colorado vem se consolidando como principal perseguidor ao Palmeiras. O time gaúcho vem de uma sequência de 6 jogos de invencibilidade, com cinco vitórias e apenas um empate, contra o Corinthians na Neo Química Arena. A equipe comandada por Mano Menezes não figurava entre os principais candidatos ao título, mas a boa campanha no segundo turno – o Inter foi o time que mais somou pontos no returno do campeonato – fez com que o Internacional chegasse à disputa.

Com a sequência negativa, o Flamengo diminuiu suas chances de terminar no G4 de 70,3% para 61,5%. Não bastasse isso, mas o Rubro-Negro ainda pode perder a quarta colocação na tabela já nas próximas rodadas, já que Athletico e Corinthians estão a apenas um ponto do time carioca. O Timão, que é o atual quinto colocado do torneio, tem, no momento, 47,1% de chances de terminar a competição no G6, enquanto o Furacão tem projeções um pouco mais favoráveis, 67% de chances de terminar no G6.

Mesmo com tropeços nas últimas rodadas – empate em casa contra o Red Bull Bragantino, e derrota para o Avaí fora de casa – o Atlético-MG ainda tem boas chances de se classificar para a próxima Libertadores. O momento vivido por Cuca e seus comandados não é dos melhores, não obstante, o time ainda tem 68,4% de chances de terminar no G6 e 28,4% de terminar no G4. Entretanto, confrontos contra Palmeiras e Fluminense, ainda que no Mineirão, podem complicar os planos do Galo.

 

Disputa na degola

Os destinos de Juventude, lanterna da competição, e Atlético-GO, vice-lanterna, parecem já estar selados. Os dois clubes apresentam atualmente apenas 1,0% e 7,6% de chances de permanecerem na Série A respectivamente. Com apenas 3 vitórias no torneio, o Juventude precisaria de um milagre para escapar do rebaixamento, assim como o clube goiano, que tem apenas 5 vitórias.

Avaí e Cuiabá, que atualmente ocupam a 17ª e 18ª colocação respectivamente, dão indícios de que ainda estão vivos na briga contra o rebaixamento. Com a vitória sobre o Galo, o clube catarinense viu sua chance de permanência aumentar de 22% para 35%. Já o Cuiabá, que conseguiu arrancar um empate contra o Athletico na Arena da Baixada, tem 58,4% de possibilidade de permanência, mesmo ainda figurando no Z4.

O Coritiba, que é o primeiro clube fora da zona de rebaixamento, tem projeções menos favoráveis que as do Cuiabá por conta dos confrontos que ainda tem por fazer na competição. Atualmente, o Coxa tem apenas 36,2% de chances de permanência.

Ceará e Fortaleza, que estão a apenas 3 pontos da zona do rebaixamento, e São Paulo, que está a 6, já garantiram a permanência – todos têm mais de 80% de chances de escaparem do descenso.

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp