Cacoal/RO, 26 de fevereiro de 2024 – 11:18
Search
Search
26 de fevereiro de 2024 – 11:18

Pirarucu invade rios do Vale do Guaporé e SEDAM debate normas para combate

500 1 1

A superpopulação de pirarucu invasores nos rios do Vale do Guaporé, em Costa Marques e região, trouxe a Rondônia, no último sábado,  o coordenador Geral de Pesca de Brasília, Rivera Édipo Cruz e uma equipe técnica para as tratativas de um plano emergencial de erradicação dos pirarucus invasores.

Download Copia

A reunião foi realizada na Colônia de Pescadores Z-4 e foi promovida e organizada pelo secretário de Estado do Desenvolvimento Ambiental, Marcílio Leite Lopes, com a finalidade de, em comum acordo com diversos órgãos  federais e estaduais possam alinhar ações na questão de pirarucu invasor, pois é um peixe do topo da cadeia alimentar e está  juntamente com a piranha, causando prejuízo para os pescadores .

400 2

“O governador de Rondônia,  coronel Marcos Rocha, recebeu apelos dos pescadores de Costa Marques e região para que pudesse ajudar a categoria para o grave problemas causado pelo peixe invasor e, neste sentido, encaminhou o pleito para a  Sedam. Agora temos como  objetivo maior o debate e, consequentemente, a criação de normas técnicas para que os pescadores possam pescar o pirarucu até na época do defeso e, desta forma, minimizar os problemas causados pelo peixe. Antecipamos nossos agradecimentos ao coordenador de Pesca em Brasília, Rivetla Édipo  Cruz, e toda sua equipe, bem como os presidentes de Colônias de Pescadores de diversos municípios que participaram e puderam contribuir com sugestões para a criação das normas técnicas para pescaria do pirarucu”, destacou Marcilio Leite.

350 3

O coordenador Rivetla Édipo Cruz parabenizou a iniciativa do governo do Estado, por intermédio da Sedam, para que fosse estudado e elaborado um plano,  com as participações de representantes dos pescadores e órgãos oficiais, para que as normas técnicas de pesca do pirarucu venham ser adotadas com urgência nos rios do Vale do Guaporé.

“Fico empolgado com a iniciativa adotada em Rondônia para esse problema tão grave e destaco o empenho do secretário Marcilio Leite e toda sua equipe na busca de solução para o peixe invasor” , asseverou Cruz.

A presidente da Colônia dos Pescadores Z-4 de Costa Marques, Eliete Tomicha Lobo Meireles, parabenizou o governador Marcos Rocha pela iniciativa inédita de solucionar o problema causado pelo pirarucu invasor e enalteceu as ações e o trabalho que o secretário Marcilio Leite vem desenvolvendo em prol da categoria dos pescadores.

O pescador profissional João  Anselmo Mile, do município de Pimenteiras, afirmou que a reunião foi importante para tratar da Lei Orgânica e que trata da pesca no Estado, pois precisava ser debatida, haja vista que foi criada em 2007 e imposta até 2011, além da questão da superpopulação de piranha nos rios Cabixi e São Miguel do Guaporé e que estão causando transtorno para os pescadores.

Foram registradas as presenças na reunião  gerente Regional da Sedam de Cacoal, Thalita Cota;  gerente Regional de Costa Marques, Gemylly Duarte e representantes de Colônias de Pescadores de diversos municípios. Texto: Comunicação/SEDAM – Fotos: Miro Costa.

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp