Rondônia, 16 de julho de 2024 – 11:47
Search
Anuncie aqui
Search
16 de julho de 2024 – 11:47

Sobe para 22 o número de mortos no naufrágio da lancha ‘Dona Lourdes II’

Anuncie aqui

Embarcação naufragou próximo à ilha de Cotijuba

A secretaria informou que a procura por desaperecidos segue nos próximos dias. Só neste domingo (11), mais dois corpos foram encontrados pelas equipes de busca e salvamento, ainda pela manhã.

Ainda durante a manhã, outro corpo foi achado dentro da embarcação que náufragou, porém ainda não se pode afirmar o sexo, pois o mesmo está sendo retirado.

De acordo com a Segup, até o momento, são contabilizados 22 óbitos, dentre eles, 13 mulheres, 5 homens, 3 crianças e 1 a ser identificado.

Ainda, conforme a Segup, dos 22 mortos, 15 foram transladados para o Marajó e 5 entregues a familiares em Belém. Os sobreviventes são 65 pessoas, A Segupo informou que eles receberam assistência psicossocial e foram ouvidos para compor o trabalho investigativo.

“Reforçamos que 9 embarcações dos órgãos de segurança do estado e um helicóptero do Graesp, juntamente com duas embarcações e uma aeronave da Marinha do Brasil, permanecem na operação de busca e resgate, que permanecem até que todos os procurados por familiares sejam localizados. A Polícia Civil segue investigando o caso por meio de um inquérito policial, com diligências para ouvir testemunhas e levantar maiores informações sobre o ocorrido, inclusive para localizar os responsáveis pela embarcação para maiores esclarecimentos. Informamos ainda que familiares de pessoas desaparecidas podem procurar o Grupamento Fluvial (Gflu), na Av. Arthur Bernardes, n° 1000 (Ao lado do CIIR), onde serão atendidos por uma equipe multidisciplinar para oferecimento de informações, serviços essenciais, assistência psicossocial ou qualquer outra necessidade urgente. No local, também estão pertences das vítimas encontrados pelas equipes de buscas. Contatos podem ser feitos também pelo telefone da Defesa Civil do Estado do Pará, no número (91) 98899-6323”, informou a Segup. (Fonte: O LIBERAL-Belém-PA)

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp