Inscrições abertas para o 2º Encontro Agro Mulheres Rondônia

Evento tem vagas limitadas e ocorrerá dia 13/8 em Ariquemes

Produção sustentável na Amazônia pelo olhar Delas é o tema do 2º Encontro Agro Mulheres Rondônia, que será realizado no dia 13 de agosto de 2022, no espaço da Associação dos Pecuaristas de Ariquemes – APA, em Ariquemes – RO, das 8h às 18h. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser feitas online. O primeiro lote já está disponível no endereço: https://bit.ly/3apseT5. O evento emitirá certificado e as inscrições incluem café da manhã, almoço e coffee break. Informações atualizadas podem ser obtidas na página do Instagram @agromulheresrondonia.

Este evento é para as mulheres que atuam no setor do agro, seja no campo, em serviços, comércio, vendas, extensão rural, pesquisa, comunicação, administração, advocacia, contabilidade, startups, e muitas outras áreas ligadas a este pujante setor do estado. A proposta é levar conhecimento, trocas de experiências, conectar e promover a interação entre estas mulheres.

O 1º Encontro, realizado em 2020 reuniu mais de 150 mulheres de todas as regiões do estado e foi um marco para o setor. Segundo a idealizadora do Movimento, Antonielly Rottoli, este evento já está no calendário das Agro Mulheres Rondônia. “A pandemia adiou um pouco nossos planos, mas tenho certeza de que será um momento de muita conexão. Queremos fortalecer a atuação das Agro Mulheres por meio do acesso ao conhecimento, do reconhecimento e da visibilidade, somando forças. As Agro Mulheres são nossas convidadas”, afirma Antonielly.

O evento contará com palestrantes de destaque em Rondônia e no Brasil. Já estão confirmadas as presenças de:

– Sônia Bonato, agropecuarista, vencedora do 1º Prêmio Mulheres do Agro (2018), em gestão de pequenas propriedades, premiação realizada pela Bayer e Associação Brasileira do Agronegócio (Abag), diretora da Aprosoja – GO e membro-fundadora da Liga do Agro.

– Ticiane Figueirêdo, advogada, coautora do livro Mulheres do Agro e idealizadora da Academia Brasileira de Crédito Agro.

– Lúcia Wadt, pesquisadora e chefe-geral da Embrapa Rondônia, atua com manejo de produtos florestais não-madeireiros e é referência quando o assunto é castanha-da-amazônia, também conhecida como castanha-do-para.

– Ana Karina Salman, pesquisadora da Embrapa Rondônia, atua com bem-estar animal e desenvolve soluções tecnológicas para a pecuária sustentável na Amazônia.

O evento contará com mais convidados que serão anunciados em breve, nas redes sociais do Movimento. Estarão presentes pessoas especiais que irão proporcionar momentos de muita inspiração, compartilhando casos de sucesso, conhecimentos e promovendo muita interação. Também haverá homenagens e espaço para expositoras de produtos de Rondônia, exposições de veículos, máquinas e equipamentos agrícolas entre outras atrações.

Mulheres no Agro

Segundo a história da agricultura, foram elas que plantaram as primeiras sementes. As mulheres sempre estiveram envolvidas no agronegócio, mas seu trabalho era invisibilizado, nos bastidores, ficando à parte da gestão. As questões financeiras acabavam ficando sob a responsabilidade dos maridos, pais ou irmãos. Mas isso está mudando, a mulher está tomando as rédeas da gestão, se envolvendo mais nos negócios e na parte financeira dos empreendimentos, sejam eles pequenos ou grandes, o que acaba dando mais visibilidade.

O agronegócio tem um papel de destaque na economia brasileira e movimenta quase 30% do PIB, de acordo com dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), em parceria com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Em Rondônia não é diferente, a produção agropecuária tem significativa importância do ponto de vista socioeconômico. De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, em 2019 o PIB agropecuário de Rondônia foi de quase R$ 6 bilhões, correspondendo a quase 13% do PIB do estado.

Já o Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de Rondônia para 2022 está estimado em quase R$ 22 bilhões, resultado que deve ser aproximadamente 6% maior do que o obtido em 2021. No tocante às exportações, a carne bovina e a soja nos cinco primeiros meses de 2022 geraram receitas de cerca de US$ 280 milhões e US$ 475 milhões, respectivamente. Estes são dados divulgados pela Embrapa Rondônia em seu Informativo Agropecuário de junho deste ano.

É neste contexto pujante, tanto em âmbito nacional como estatual, que as mulheres têm obtido participação ativa e sua atuação está sendo cada vez mais fortalecida e qualificada. Assim como ocorre em todo o País, há no estado uma forte tendência para a maior atuação da mulher no agronegócio como um todo, abrangendo as mais diversas áreas.

O Movimento

O Agro Mulheres Rondônia teve início em 2019, com a contadora, Beatriz Rosa (in memorian), e a produtora rural, Antonielly Rottoli. Hoje, é uma rede formada por voluntárias que estão envolvidas em toda a cadeia do agro no estado, no campo e na cidade. O objetivo do Movimento é ser representativo das mulheres de todas as cadeias que integram o agro em Rondônia. Busca quebrar barreiras, agregar, somar, inspirar, levar conhecimento, gerar informações e oportunidades, dar visibilidade, reconhecimento e promover a equidade para atuação das mulheres, participar e influenciar nas decisões das políticas públicas do setor e fortalecer o agro como um todo.

O Agro Mulheres Rondônia não tem fins lucrativos, nem vínculos políticos ou partidários, institucionais ou com empresas privadas. Cada integrante deste movimento, onde estiver, é agente de transformação, sendo a voz em defesa das mulheres do agro em Rondônia.

Veja como foi o 1º Encontro Agro Mulheres Rondônia em 2020: https://bit.ly/3mlKJb0

Realização e parcerias

Este evento é uma realização do Movimento Agro Mulheres Rondônia. Tem como patrocinador Bayer, Grupo Rovema, Rical e Associação dos Pecuaristas de Ariquemes – APA e conta com o apoio da Embrapa Rondônia. Até a realização do evento, serão apresentados mais detalhes e demais parceiros e apoiadores desta ação.

Por: Renata Silva

Jornalista – MTb 12361/MG

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp

Últimas