Anuncie aqui
Anuncie aqui

Novas turmas de Residência Médica e Multiprofissional iniciam em Cacoal

O mês de março começou e novas turmas dos Programas de Residência Médica e Multiprofissional, oferecidos pelo Governo de Rondônia por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), já estão em ação no Complexo Hospitalar de Cacoal, composto pelo Hospital Regional e pelo Heuro (Hospital de Emergência e Urgência de Rondônia).

Ao todo, 27 novos residentes iniciaram este ano a especialização nas áreas de Cuidados Intensivos, Atenção Hospitalar, Bucomaxilofacial, Pediatria, Cirurgia Geral e Clínica Médica.

“Hoje o estado de Rondônia está completamente apto a oferecer vagas nos programas de residência. Os profissionais que formam-se na graduação não precisam mais sair de Rondônia e buscar a especialização em outros estados, pois encontram aqui, com a mesma qualidade. Com isso a gente melhora a qualidade da assistência e mantemos excelentes profissionais formados aqui, especializados, prestando serviço à nossa comunidade”, explica Leiri Bonet, coordenadora da Comissão das Residências Multiprofissionais do Complexo Hospitalar Regional de Cacoal.

A Residência Médica constitui uma modalidade de ensino de pós-graduação, sob a forma de cursos de especialização, caracterizada por treinamento em serviço, em regime de tempo integral, regulamentada pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM) da Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação.

Em Cacoal, o Governo de Rondônia oferece as residências médicas em Pediatria, com duração de três anos, Cirurgia Geral, dois anos, e Clínica Médica, com duração também de dois anos.

Já o Programa de Residência Multiprofissional em Cuidados Intensivos (UTI), em Atenção Hospitalar (Urgência e Trauma) e Residência em Área Profissional da Saúde em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial teve início oportunizando o aperfeiçoamento e a especialização de profissionais de Enfermagem, Fisioterapia, Farmácia, Nutrição, Psicologia e Odontologia.

(Giliane Perin – SecomRO)

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp