Anuncie aqui
Anuncie aqui

Custo da produção de café em Rondônia será foco de pesquisa

Diante da publicação da portaria Nº 66 de 3 março de 2020, do Ministério da Agricultura, que estabelece o preço mínimo da safra de café  2020/2021 onde reza “Exceto Rondônia”, o secretário de Agricultura, Evandro Padovani, reuniu-se com os representantes da Embrapa, Emater, Faperon e técnicos da Seagri para avaliar os impactos da referida portaria para a cadeia produtiva do café em Rondônia.

Foi estabelecido que a Seagri solicitará aos órgãos presentes, bem como a Conab, os levantamentos de custos técnicos da produção do café realizados em Rondônia. Com essas informações será realizado uma correlação entre os dados da portaria e os efetivamente representativos da realidade dos custos de produção de café em Rondônia, a ser encaminhado ao Ministério da Agricultura.

Fonte: Assessoria

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp