Rondônia, 24 de julho de 2024 – 11:12
Search
Anuncie aqui
Search
24 de julho de 2024 – 11:12

O DIA 20 DE JANEIRO NA HISTÓRIA

Anuncie aqui

Por Lúcio Albuquerque – [email protected]

BOM DIA 20 DE JANEIRO!

COMEMORA-SE
Dia Nacional da Parteira Tradicional, Dia Nacional do Farmacêutico, Dia Nacional do Fusca, Dia Nacional do Queijo.

Católicos lembram São Fabiano e São Sebastião, o santo guerreiro que, na umbanda, é honrado como Oxóssi.

BRASIL
1567 — Com apoio de índios, sob comando de Estácio de Sá, as forças portuguesas expulsam os franceses do Rio de Janeiro.

1890 — Oficializado o Hino Nacional do Brasil, composto por Francisco Manuel da Silva.

1917 — Lançado em disco “Pelo Telefone”, o primeiro samba gravado no Brasil.

1941 — Criação do Ministério da Aeronáutica do Brasil.

1951 — Inaugurada a 1ª estação de televisão brasileira TV Tupi (RJ).

1972 – A TV Difusora (RS) faz a 1ª transmissão em cores da televisão brasileira.

1983 – Morre o bicampeão mundial de futebol Mané Garrincha.

MUNDO
1929 — Lançado o primeiro longa-metragem falado filmado ao ar livre, In Old Arizona.

1980 – Os Estados Unidos anunciam o boicote às Olimpíadas de Moscou.

1986 – Nos EUA comemorada primeira vez o feriado em honra a Martin Luther King, Jr., o líder negro de direitos civis.

FOTO DO DIA

Na faixa o agradecimento do governo do Território ao escritor e jornalista Manoel Rodrigues Ferreira, pelo trabalho por ele realizado em defesa da abertura da rodovia BR-29 (364), em sucessivos artigos publicados em diversos jornais brasileiros e, inclusive, pelo seu empenho em audiência com o presidente Juscelino Kubistchek em que defende a abertura da estrada. Manoel Rodrigues Ferreira, de paletó fechado ao lado do músico Walter Bártolo e do jornalista Euro Tourinho, era um apaixonado pelo Território e pela ferrovia Madeira-Mamoré, sendo de sua lavra as denúncias de que o acervo da extinta ferrovia estava sendo mandado para ser derretido em grandes fornos em São Paulo, denúncias que serviram, em 1981, a que o governador Jorge Teixeira realizasse em Porto Velho um seminário para discutir a questão do espólio da estrada de ferro.

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp