Cacoal/RO, 16 de abril de 2024 – 10:54
Search
Search
16 de abril de 2024 – 10:54

Unir lança Mestrado Acadêmico em Gestão de Agronegócios e Sustentabilidade em Cacoal durante o Comdesc

Aproveitando o grande evento que reuniu a cidade de Cacoal entre os dias 18 a 22 de março, a Universidade Federal de Rondônia (UNIR) campus de Cacoal, apresentou para toda a comunidade o seu 1º programa de Mestrado que será oferecido de forma presencial e 100% gratuito no campus de Cacoal: o Mestrado Acadêmico em Gestão de Agronegócios e Sustentabilidade.

O Programa de Pós-Graduação em Gestão de Agronegócios e Sustentabilidade resulta da percepção do grupo de docentes da Universidade Federal de Rondônia (UNIR), quanto à necessidade de incrementar pesquisas e a formação de recursos humanos, com foco principal no Agronegócio na região Amazônica. A proposta resulta do amadurecimento intelectual de docentes dos cursos de graduação em Administração, Ciências Contábeis, Direito e Engenharia de Produção (Campus de Cacoal) – sede da proposta.

O objetivo do mestrado em Cacoal é contribuir com a demanda de formação de profissionais para alavancar o desenvolvimento local, regional e nacional, buscando atender os fatores que afetam a competitividade e a dinâmica
do agronegócio regional, sob o enfoque da sustentabilidade econômica, social e ambiental atrelada à realidade da agricultura familiar. A partir desta perspectiva, espera-se que profissionais com as mais distintas origens sejam qualificados para compreender e atuar de forma sistêmica na gestão dos agronegócios de forma competitiva e nos padrões de produção sustentável, tendo em vista as características peculiares do processo de agroindustrialização, inclusive na região norte.

O primeiro edital de seleção dos alunos deverá sair até o meio do ano, assim que os trâmites legais de implementação forem concluídos nas instancias acadêmicas da UNIR.

Todas as informações poderão ser adquiridas no site do programa: www.ppgagro.unir.br e no instagram: @ppgagrounir

(Ascom/Unir)

Gostou? Compartilhe esta notícia!

Facebook
WhatsApp